Nexus Assessoria

Notícias

CONVERSA DE BOTEQUIM: setembro já foi, outubro quase…

CONVERSA DE BOTEQUIM: setembro já foi, outubro quase…
24 outubro
14:14 2013

Setembro já foi, outubro quase…

 

conversa de botequimNo finalzinho de setembro, entre sol, chuva e frio, nossos dois filósofos de boteco foram vistos em mais um copo-sujo da cidade, falando aquilo tudo daqueles que fazem e desfazem tudo a quilo… E a toneladas também.

 

- Zé, tudo bom?

- De bom pra melhor, Ubaldo. Não sei se o prefeito Ramon pensa a mesma coisa, mas…

- Ramon? Por quê?

- Nada, Ubaldo, nada… Vamos pedir uma, né? Garçooommm!!! Desce aquela lá do fundo do congelador!!! E manda duas pingona’ também!!!

- Grande Zé…

- Hehehe… Novidades da política, Ubaldo?

- Política, nem tanto, mas de sexo tem muita coisa.

- Lá vem você…

- Rapaz, agora em novembro, em Salvador vai acontecer um curso para tirar o mito do sexo oral. Já pensou… Tinha que ser na Bahia, né?

- Curso de sexo oral?

- Pelo que fiquei sabendo, as aulas vão ser bem técnicas, só prática mesmo, com um pouquinho de teoria. Vai ter especialista de tudo que é área, como sexóloga, urologista, fonoaudióloga e terapeuta sexual, para trabalhar traumas e problemas. A ideia original veio da Rússia.

- Rapaz, tem curso de tudo, hein… Só faltava essa… Curso de sexo oral…

- Zé, quem é do ramo diz que o maior problema é o preconceito em torno do sexo oral. Os especialistas dizem que tudo que é relacionado à vida sexual tem que ser tratado com seriedade e sinceridade, constatando que muitas mulheres se sentem desconfortáveis para fazer nos seus parceiros, por isso criou curso. Acho que a moda vai pegar.

- Depois de fazer o curso, o aluno vai ficar com as lições na ponta da língua, né, Ubaldo? Hehehe…

- Quaquaqua… Com certeza…

- Falando mais profissionalmente, segundo os monitores do curso, a maior preocupação que a mulher deve ter antes do sexo oral é a higienização. É importante escovar bem os dentes e deixar a região bucal limpa para o ato. As mulheres não têm muita informação da acidez da língua e de como ela pode machucar o órgão do parceiro.

- Mas isso tem que ser dos dois lados, né? Aquela coisa do “lavou, tá novo”…

- Sim. Tanto da mulher quanto do homem.

- É, vamos ver quem vai trazer o curso pra nossa região e quem serão os professores, monitores, coordenadores, sei lá o quê…

- E muita gente vai querer saber quem se matriculou, né…

- E de política?

- Zé, de sexo pra política, como tá o clima?

- Acho que tá caminhando pra normalidade. Ramon deve mesmo apoiar o Paulo Abi-Ackel pra federal e o Carlos Pimenta pra estadual. Ramon disse que os dois deputados têm sido gente fina com Nanuque, liberando recursos.

- E as obras? Cadê?

- Ubaldo, o prefeito está animado e acha que vai fechar o primeiro ano com várias frentes de trabalho.

- Ta precisando mesmo mostrar…

- Garçooommm!!! Mais uma!!!

- Valeu, Zé! E a campanha presidencial? Será que Aécio emplaca? E Marina? E o Eduardo Campos? Será que é Dilma ou Lula volta?

- Uba, a coisa tá complicada. Hoje eu não arrisco dizer nada. Política brasileira é igual ao vocabulário do Faustão: acaba rapidinho, pois tudo é pequeno e previsível. Hehehe…

- Quaquaqua…

- De repente, volta tudo, muda tudo, o que era deixa de ser e por aí vai.

- Zé, lembra daquela tal de Mônica, nascida em Nanuque, que foi namorada do Renan Calheiros e posou nua pra revista Playboy?

- Sim, lembro.

- Pois é, agora é a ex-mulher do senador Jarbas Vasconcelos que vai posar nua. O nome da danadinha é Meyrielle Abrantes, tem 30 anos, vai posar nua para a Playboy. Em 2009 ela havia feito um ensaio sensual para a revista, mas sem nu frontal, pois estava casada com o senador que teria se oposto à ideia. Mas agora estão separados oficialmente há dois meses depois de 10 anos juntos, agora ela aceitou o convite da revista. Ela afirmou que vai “realizar um sonho”. Que lindo, hein… Quaquaqua…

- Lindo sonho, Ubaldo, lindo sonho… Hehehe…

- Depois dessa, só mesmo uma aula de cultura inútil pra relaxar, como, por exemplo, saber de que é feito o catarro, a meleca de nariz e a cera do ouvido… Quaquaqua…

- Hehehe… Ubaldo, pelo que eu sei, meleca de nariz e catarro é tudo mistura de proteína. Mas, como estamos falando de sexo, política e tudo o mais, além cera de ouvido, também é bom falar de mijo e bosta também, uai…

- Hiii… Tem leitor aí que vai ficar com nojo.

- Nojo? Nojo de quê? Aposto que quem fala de nojo assiste todo domingo à programação da TV aberta, dos canais populares… Ah, mas, tudo bem, se você não quer falar de remela de olho, xixi, merda, catarro, meleca de nariz e outros, deixa pra lá, vamos pedir mais uma que é melhor… É a sua vez!

- Ok. Garçooommm!!! Manda outra geladona aqui pra nós!!!

- Viva!

- Zé, já que você falou tanto de sexo…

- Eu, não; quem falou foi você, ora…

- Ah, sim, tudo bem… Já pensou se o tal curso de sexo oral viesse pra Nanuque, quem iria se inscrever?

- Olha, uma que eu sei que iria lá se matricular seria aquela sua vizinha… Aquela que você disse que teve um dia em que você encontrou com ela, ela começou a falar do marido, aí você sugeriu que… (papo censurado)

- Ah, sim, concordo com você. Mas tem um pequeno porém, Ubaldo, ela… blablabla…

 

E o papo prossegue até mais tarde.

 

 

Enviar

Busca de notícia

Redes Sociais

facebooktwitterPágina

Horóscopo Virtual